Teatro com Criança

Bullying nas escolas é tema de peça inédita no Teatro J. Safra

Temporada de “Bochecha vermelha, bullying? Tô fora”.

O espetáculo infanto-juvenil, com texto e direção de Danilo Cianciarulo e encenado pela Oroboro Cia. de Teatro, mostra de maneira muito sensível a história de um menino que sofre bullying por conta de suas bochechas vermelhas. Em uma escola, o que era uma brincadeira inocente transforma-se em um verdadeiro tormento. O professor Mr. Bald – atrapalhado, porém inspirador – tenta com a ajuda dos próprios alunos solucionar o problema de uma forma carinhosa e delicada.

O espetáculo é repleto de músicas, compostas pelo próprio Danilo Cianciarulo junto com o maestro Flávio Menezes, especialmente para a trama. São seis canções, algumas delas feitas especificamente para cada personagem que cantam e dançam, ao mesmo tempo que interagem e provacam diretamente a plateia, para que ela se sinta envolvida. A história é toda narrada pela personagem da vovó, que na época era uma das crianças da escola, e que será revelada apenas no final da peça.

Sobre a Oroboro Cia de Teatro:
Esse é o segundo projeto via Proac ICMS da Oroboro Cia de Teatro, coordenada por Danilo Cianciarulo. A companhia foi fundada no final de 2013 para desenvolver projetos via leis de incentivo. Hoje, destaca-se na região da Vila Mariana, em São Paulo, como um centro de pesquisa e estudo das artes cênicas, possibilitando cursos e oficinas para todas as idades. Além dos projetos teatrais vias de leis de incentivo e aulas de teatro, a Oroboro Cia de Teatro também desenvolve o projeto “Caminho das Artes”, que leva espetáculos teatrais para dentro dos hospitais.

SERVIÇO

Bochecha vermelha, bullying? Tô fora!

Datas: De 20 de janeiro à 25 de março de 2018

Horário: sábados e domingos, às 16h

Duração: 70 minutos

Ingressos:

Plateia: R$ 20,00

Mezanino: R$ 15,00

Mezanino visão parcial: R$ 10,00

Nos dias 10, 11, 17 e 18 de fevereiro as apresentações serão totalmente GRATUITAS

Bye

CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *